REVIEW: Bates Motel – “The Box": S02E09

Sinopse:
Norma está desesperada tentando se aproximar de Norman. Dylan deve decidir se deveria arriscar a sua vida para salvar uma pessoa amada. Romero espera que um antigo colega de trabalho o ajude a determinar o envolvimento de Norman em um crime.
Seguindo a fórmula da sua temporada anterior, Bates Motel resolveu fechar todas as suas pontas soltas (a maioria, pelo menos), no penúltimo episódio e deixar a finale livre para abrir novos plots. No caso da finale passada, o assunto  aberto perdurou essa temporada inteira, no caso, a morte de Blair Watson, que, sinceramente, não me causou nenhum impacto ou ansiedade para a nova temporada.

Nesse 2x09, a série mostrou o quanto pode ser corrida e bem encaixada na medida certa, o quanto os roteiristas tem poder suficiente para fechar lacunas dentro de 40 minutos, e mesmo assim nos apresentaram uma temporada de pura encheção linguiça. O episódio foi ótimo, mas a impressão que temos ao seu término é que tudo nessa temporada de Bates Motel podia ter sido resolvido em, no máximo, 3 episódios, e que a temporada foi um completo desperdício de material (muito bom por sinal) e pior ainda, desperdício de atuação, visto o nível dos atores dessa série que são, sinceramente, o motivo de fazer dar boas notas para os episódios (pelo menos nessa segunda temporada).


Bom, o episódio começa nos mostrando quem realmente pegou Norman (apesar de que a resposta já era suficientemente óbvia), e acabou sendo Nick Ford. O motivo também é bem explícito, tendo percebido que o filho é o calcanhar de aquiles de qualquer mãe, e se tratando de Norma Bates.... bom....
Ele pegou o Norman porque quer que a Norma continue a fazer favores para ele, visto que ele conseguiu adiar a construção do desvio. E o favor consiste em pedir para o Dylan matar o Zayn, que atrapalha os negócios do Ford, então existe essa rixa entre eles.

Do outro lado, temos Romero guardando para si o segredo de Norman ser o principal suspeito da morte de Blair Watson. Achei bacana esse nó todo que os roteiristas fizeram de unir todos os personagens em uma só trama no final da temporada. Digo, Romero tem rixa com Zayn, mas também tem rixa com Ford, ele é meio que em cima do muro. Zayn e Ford tem uma rixa, e Dylan trabalha para o primeiro, e ainda por cima está dormindo com Jodi, que é irmã dele. Enquanto isso, Norman é o principal suspeito da morte da filha de Ford, e Norma está envolvida sob a chantagem de Nick a respeito do desvio. E a Emma... bom, até a Emma tá revoltada com a sua exclusão de tudo isso. Confesso que fiquei chocado com a repentina revolta da garota, mas até entendo ela. Só achei que ela se exaltou um pouco mais do que o necessário nesse aspecto.

Tivemos cenas quase que insuportáveis do Norman preso, mas serviu para ele surtar, entrar em colapso, e consequentemente lembrar do ocorrido na casa da Blair. E não é que ele é o culpado mesmo? E não é que minhas teorias estavam erradas a respeito de um retorno triunfal da Bradley?
Mas deixa eu dizer... que cena tosca foi aquela, me expliquem? O que deu no diretor desse episódio pra fazer uma cena tão indigna de Bates Motel, tão risível? Eu fiquei realmente chocado com a forma que a cena foi filmada, mas não por um bom motivo. Caramba, o Norman rasgando a garganta da professora é de gargalhar de tão ruim... Alfred Hitchcock está realmente ofendido com o mal uso da faca do novo Norman Bates.

Enquanto isso, a Norma convence o Dylan a matar o Zayn, e ele, relutantemente, até tenta... mas não consegue. Chegando na casa de Zayn, ele provando mais uma vez que não é bobo, já sabe que Dyaln pretende matá-lo, e se cerca de seguranças, desarmando Dylan.
Então, como já está impregnado na raça da família, ocorre um assassinato... mas de Nick Ford.
Foi uma cena legal de diálogo entre o Dylan e ele, e tal.... mas me expliquem como uma pessoa morre com um golpe na bochecha? Tudo bem que foi com um ferro, mas... morte? Que morte chata, essa... por que estão economizando na violência em Bates Motel?!

O episódio foi muito bom como episódio. Tendo em vista a temporada, cujo esses mesmo plots foram espalhados por 8 episódios totalmente desnecessários, foi uma lástima. Mais ainda não estou analisando a temporada, e sim o episódio em si, então vou me aquietar.
Sendo assim, falta apenas um plot que não foi totalmente concluído, mas pela prévia do próximo episódio já vai ter Norman na delegacia, prestando o exame do polígrafo. Acho que vão explorar ele como a Norma nessa parte, e como na mente dele ele é a mãe (e enganar o polígrafo é uma questão psíquica), ele vai sair dessa fácil... mas é só teoria minha. Vamos aguardar...

• Morri de rir com a Norma batendo na porta do Dylan
• Norma despachou mais um!
• O que a Jodi fez como chefe da maconha, mesmo?
• Emma dramática



Promo do Próximo Episódio:

Yuri Hollanda

Redes Sociais

SNAPCHAT

SNAPCHAT

ANÚNCIO