Resenha | A Missão (Mundo em Caos - Livro 2)

Título: A Missão
Título Original: The Ask and the Answer
Autor(a): Patrick Ness
Editora: Pandorga 
Ano: 2012 
Páginas: 492
Sinopse: Nós estávamos na Praça, na praça onde eu iria correr, segurando ela, carregando ela, dizendo-lhe para permanecer viva, permanecer viva até que nós estivéssemos seguros, até que chegássemos ao paraíso, assim, poderiam salvá-la - mas não havia nenhuma segurança, nenhuma segurança em nada, havia apenas ele e seus homens... Fugindo anteriormente de um exército implacável, Todd deixou Viola ser desesperadamente ferida direto nas mãos de seu pior inimigo, o prefeito Prentiss. Imediatamente separado de Viola e preso, Todd é forçado a aprender os caminhos da nova ordem do prefeito. Mas que segredos se escondem fora da cidade? E onde está Viola? Ela ainda está viva? E qual é a misteriosa resposta? E então, um dia, as bombas começam a explodir... "A Missão" é um romance tenso, chocante e profundamente comovente de resistência sob a pressão mais extrema. Este é o segundo título da trilogia "Mundo em Caos".

Essa resenha contém spoilers do primeiro livro da série. Confira a resenha de O Motivo clicando aqui.

A Missão continua a história após a reviravolta vista no livro anterior. Todd e Viola descobrem que não havia exército nenhum atrás deles e que tudo aquilo era uma armação do Prefeito Prentiss para pegá-lo. Ambos são capturados e é a partir do ponto de vista dos dois que é contada a história, diferente do primeiro livro, onde só víamos o ponto de vista de Todd.


Essa série foi uma das grandes surpresas literárias que eu tive nesse ano. Ao ler a sinopse, a história parece ser extremamente boba e você não dá nada por ela. E é aí que o autor surpreende o leitor. Ele deu seriedade à trama e desenvolveu os personagens de forma magnífica. No primeiro livro o personagem principal já havia amadurecido bastante,  e o autor continua trabalhando isso neste segundo volume. 



Nesse livro também é possível saber mais detalhes sobre o mundo no qual a história acontece. Ainda faltam algumas respostas, mas nesse volume o leitor já está acostumado e entende melhor o contexto geral. Em  A Missão, você já aceita melhor o que está acontecendo e não fica tão perdido.



Apesar de terem somente cerca de treze anos, os personagens passam por situações inimagináveis. E o autor não os poupa. Cada vez mais eles se metem em situações ainda piores. Isso contribui muito para o desenvolvimento dos personagens. Você consegue ver isso ao longo de todo o livro, pois tudo que acontece deixa uma marca neles e os ensina algo. 


Patrick Ness também dá ao livro um ritmo frenético. A linguagem informal que é usada e a grande quantidade de diálogos que o livro tem contribuem para isso, mas a narrativa também é ótima. O autor te surpreende durante o livro inteiro, às vezes, mudando a situação dos personagens em um piscar de olhos, fazendo com que a história tome rumos inimagináveis.


O autor conseguiu manter o nível apresentado no primeiro livro da série e me deixou com as expectativas para o terceiro volume altíssimas. Essa série é mais do que recomendada. Tendo em mente que a série só melhora, dê uma chance a ela. Você com certeza irá se surpreender.
 

Lucas Zeferino

Redes Sociais

SNAPCHAT

SNAPCHAT

ANÚNCIO