TOP 10 | Os Melhores Momentos de HOMELAND

Assim como fizemos com Friends, Bates Motel e Game Of Thrones, e atendendo a pedidos de alguns dos nossos visitantes, hoje faremos um Top 10: Melhores Momentos de Homeland!

O post trará spoilers fortes das três primeiras temporadas de uma das melhores séries policiais que já passaram pela televisão americana, ganhadora do Emmy 2012 de Melhor Série Dramática, Melhor Ator e Atriz em Série Dramática (Para Damian Lewis e Claire Danes, a última sendo uma das recordistas de Emmy da história, tendo ganhado dois por Homeland, e mais três por outros trabalhos).

Homeland retornará daqui a uma semana, no próximo domingo, transmitido pelo canal Showtime, e com uma cara totalmente nova. Após a morte de Brody, a série resolver se transformar, e trará Carrie como chefe de uma estação da CIA, e tendo que lidar com sua filha, sem interferir em sua carreira.
Enquanto a série não chega, é sempre bom relembrar o que ela nos apresentou durante esses três anos de exibição. Vamos lá:


10. O Interrogatório de Brody - (2x05 - Q&A)
Considerado um dos melhores momentos de toda a série por vários fãs, o interrogatório de Brody, feito por Carrie, que acontece no episódio 2x05: "Q&A", é extremamente emocionante.
Após os eventos que se deram no final do episódio 2x04, Brody é levado para um centro da CIA onde é "forçado" a contar a verdade sobre os planos de Abu Nazir, e tem a mão esfaqueada por Peter Quinn, durante um acesso de raiva do agente. Após esse escândalo, Carrie entra em cena, e com a química dos dois, se constrói uma das mais bonitas cenas da série. Não é atoa que o Emmy deu para esse episódio o prêmio de Melhor Roteiro. Fantástico.


09. A Perseguição em Beirute - (2x02 - Beirute Is Back)
Esse episódio, na verdade, é totalmente emocionante. No 2x01 vemos Carrie sendo recrutada pela CIA para uma missão em Beirute, onde ela possa interrogar uma mulher que tem revelações importantes sobre Abu Nazir, e que só quer falar com ela. Em determinado momento, ela se vê obrigada a invadir um prédio para resgatar uma bolsa que poderia conter materiais sigilosos para o que a CIA estava procurando. A perseguição em meio a um tiroteio, em uma fantástica performance de Carrie é surpreendente e elétrica. Ela finalmente consegue pegar a bolsa, que trás o vídeo de confissão de Brody, que Saul vê e mostra a Carrie, o que resulta nela se dando conta que estava certa o tempo todo.


08. A Explosão na Praça Pública - (1x10 - Representative Brody)
Essa é uma daquelas cenas que te deixa tenso porque trás um nível de suspense e ação extraordinários. A CIA monta campo em uma praça pública onde, supostamente, Tom Walker irá aparecer para um contato com Abu Nazir. Carrie está em campo, na praça, e é a que conduz todo o suspense da cena. O que acontece é que Walker, por algum motivo, fica sabendo da armadilha da CIA, e manda um mendigo desfarçado em seu lugar, carregando uma mala com um explosivo dentro. Na mesma hora que Carrie percebe, e começa a gritar para as pessoas saírem da praça, a mala explode, lançando todos para os ares. A agente fica estupefata com o acontecimento, e vai parar no hospital.


07. A Internação de Carrie - (1x12 - Marine One)
Essa é a cena que encerra a primeira e extraordinária primeira temporada de Homeland. Quem não se emocionou com Carrie sacrificando sua mente, convencida de que sua bipolaridade tomou conta de sua sanidade? A revolta maior é que o público sabe que ela estava certa o tempo todo! Que Brody tem culpa no cartório. Que o plano de Abu Nazir era, realmente, convertê-lo contra os Estados Unidos e explodir o coração do país. Mas ele sai dessa, como tantas outras, e Carrie termina como a errada da história. A agente se interna em um Hospital e autoriza o tratamento de choque. A cena é intensa, forte, e revoltante. Ainda mais quando ela lembra, no último segundo, de Issa.


06. Brody Mata Walden - (2x10 - Broken Hearts)
Esse episódio de Homeland é especial. É um divisor de águas, assim como os outros dois que o seguem. O que leva Brody a matar Walden, Vice Presidente dos Estados Unidos, é Carrie ser sequestrada por Abu Nazir. Nazir sabe que Carrie e Brody tem uma ligação forte demais, e que, mesmo nessa relação conturbada, os dois fariam o que fosse preciso pelos dois. É nessas condições, que ameaçando matar Carrie, Abu Nazir manda Brody matar Walden. Desligando o marca-passo no coração do Vice, ele sufoca com as próprias mãos o Presidente, e o mais impressionante: parece gostar de fazer isso. Enquanto Walden, sem entender, pergunta "O que você está fazendo?", e ele diz, com um prazer maléfico enorme: "Você ainda não entendeu? Estou matando você."


05. Carrie Prende Brody - (2x04 - New Car Smell)
Essa cena é incrível. Espetacular, em todos os sentidos, desde uma trilha sonora tensa, até a mudança e Plot Twist de um roteiro. A sequência de Carrie saindo do bar, e subindo as escadas em direção ao quarto de Brody, fisgando-o, sem aguentar mais ser feita de idiota, é incrível. Ela primeiro entra no quarto dele, seduzindo-o, e depois se transforma na descontrolada que amamos, em uma diálogo espetacular! Carrie entrega tudo a Brody, diz que sabe de tudo, e que ele está sendo preso nesse momento. O triunfo de Carrie sobre ele dá uma sensação de alívio enorme, mas a dor que a personagem sente também é perceptível.
Brody: Eu gostava de você, Carrie.
Carrie: EU AMAVA VOCÊ!



04. O Quase-Atentado Terrorista de Brody - (1x12 - Marine One)
Esse, sem dúvida, é o momento alto da finale da primeira temporada da série. O nível de tensão dessa cena não é normal. E realmente acredito que foi nessa cena que Damian Lewis convenceu a academia de jurados do Emmy a dar a ele o prêmio de Melhor Ator em série Dramática em 2012. Que cena espetacular! Brody está lá, suado, nervoso, tremendo, com o dedo encostado no botão, que se ele apertasse, cumpriria a missão que Abu Nazir lhe designou de explodir o coração da América. Cena espetacular, e que nos faz quase infartar, quando Brody aperta o botão e ele falha. E ainda, na segunda vez, quando o personagem é interrompido por uma ligação de sua filha e resolve desistir. 


03. A Morte de Abu Nazir - (2x11 - In Memoriam)
Uma das mortes mais desejadas, mas menos esperadas , acontece um episódio antes da inesquecível finale da segunda temporada da série. Os que assistiram, sabem que a reta final dessa temporada é uma das melhores coisas que já aconteceram na televisão americana, e que provavelmente irá acontecer em toda a série. Antes de morrer, Nazir espanca Carrie, em uma perseguição nos escuros de uma fábrica abandonada no meio do nada. Após bater na agente da CIA, até deixá-la quase inconsciente, ele não consegue escapar da trupe de policiais armados, que o cercam e o fazem "se entregar". Os tiros são seguidos por um alívio de Carrie, que se ajoelha em frente ao corpo morto do homem que quase destruiu sua vida. 


02. A Explosão em Langley - (2x12 - The Choice)
Essa cena marcou a série. É um dos ícones da segunda temporada, quando você lembra dela. Foi tudo muito inesperado, nos pegando de surpresa em um dos momentos mais infelizes que poderiam nos pegar. Todos estavam finalmente felizes. Carrie e Brody até planejavam um futuro juntos! Mas é claro que os roteiristas não deixariam isso acontecer... Enquanto os dois estão num momento super romântico nos prédios da sede da CIA, Langley, durante o funeral do Vice Presidente dos Estados Unidos, o prédio explode em um último ato terrorista de Abu Nazir. Em meio a uma transição de cenas com o corpo dele sendo jogado no mar e mostrando a explosão do prédio, percebemos que ser morto fazia parte da missão de Nazir, que ainda estava um pouco longe de ser cumprida. Faltava a cereja do bolo, o seu ato característico de assassinato em massa. Perfeito.


01. A Morte de Brody - (3x12 - The Star)
Estava lá. Brody, o personagem chave da série, o que conduziu a história, o que nos fazia se interessar por um romance conturbado e perigoso, estava lá morrendo enforcado, lentamente, diante dos nossos olhos, e diante dos olhos incrédulos de Carrie.
A cena dispensa comentários, elogios e adjetivos. Ela é cruel de um modo magnifico, e significativa ao mesmo tempo. Deixa-nos órfãos, e deixa Carrie órfã. Órfã do amor que sentia por Brody, e que terá que lembrar para sempre, pois está grávida de uma filha dele. É sem dúvida a melhor finale da série, e o acontecimento mais chocante até então. E a cena de Carrie em último ato de rebeldia, rabiscando uma estrela para Brody no quadro de mortos durante a missão da CIA, encerra de forma esplêndida esse ciclo da série.

Agora só nos resta aguardar para o retorno incerto de Homeland no próximo domingo!
Não deixem de ler nossas Reviews da série.

Até o próximo TOP!

Yuri Hollanda

Redes Sociais

SNAPCHAT

SNAPCHAT

ANÚNCIO