Review | Doctor Who - In the Forest of the Night (S08E10)


Esse foi um episódio muito bom, um filler sem dúvida mas foram tantos os fillers que eles todos devem fazer parte do plot final. Então não vou mais reclamar disso, já que estamos tão próximos do finale, vou apenas apreciar a beleza que é esse episódio de Doctor Who. Fez o mesmo que já vinha sendo feito nos episódios anteriores: explorou a personalidade nova do Doctor e como as viagens afetam a relação de Clara com Danny; porém tudo isso é feito em cima de um plot extremamente bem pensado, mirabolante e a cara da série.

Uma floresta que cresce do noite para o dia, a ideia é ótima, e ainda mais interessante já que isso ocorre em escala global. Mas no episódio vemos tudo acontecer em Londres, mais especificamente com Clara, Danny e um grupo de alunos em excursão no museu, e claro o Doctor. Começamos com Maebh, uma das crianças na excursão que acaba se perdendo e encontrando o Doctor. A interação entre os dois é bem legal, Maebh é uma criança estranha e claramente ouve vozes. Então vamos para Clara, Danny e seus alunos em excursão, todos descobrindo que uma floresta cresceu em Londres, e obvio, a primeira coisa que Clara faz é falar com o Doctor e então o episódio verdadeiramente começa, Clara e Dany devem ir buscar Maebh com o Doctor, enquanto ele tenta resolver o problema que é a floresta.

Vemos um pouco da convivência de Clara e Danny com as crianças, o que serve para dar algum contexto na vida dos dois juntos, já que normalmente vemos a Clara com o Doctor, é bem legal vê-los assim. O Doctor e Maebh conversando também ajuda a mostrar mais do novo modo do agir, que a essa altura já estamos acostumados, e que eu particularmente gosto bastante.

Talvez também haja algo estranho mudando o comportamento das crianças, como Ruby que deveria não ter imaginação e acaba pensando em todas as maneiras que Clara pode estar correndo perigo na Floresta, ou Bradley que é uma criança bastante mal educada e do nada pede “por favor”. Entendemos que isso se dá a convivência com Danny, mas convivência não faz alguém criar imaginação... isso me deixou intrigada, certamente.

Os dois grupos se encontram e vamos descobrindo alguns detalhes sobre a floresta e, Doctor fala um pouco de suas teorias sobre o que está acontecendo, todas elas possíveis provavelmente. Maebh parece ser a chave para descobrir o que está acontecendo, mas novamente ela se perde, e novamente eles tem que encontra-la. Danny percebe que Clara não parou de viajar com o Doctor o que vai gerar um atrito entre os dois durante o episódio.

A comparação feita com o que está acontecendo e fabulas antigas é muito bem feita e dá mais um pouco de força a ideia de que as árvores estão ai para fazer algum mal, Maebh deixando rastros como em João e Maria e ela fugindo de lobos como Chapeuzinho Vermelho (o casaco vermelho faz todo o sentido), e Danny os salvando como o Cavalheiro que salva a donzela. Também vamos descobrindo que as arvores não podem ser queimadas e que, fazendo uma ligação com os eventos do Banco Karabraxos, tudo isso está acontecendo por causa de outra tempestade solar que dessa vez atingirá a terra. Maebh consegue ouvir o que as arvores “falam” e quando todos se juntam novamente, Doctor consegue se comunicar com o que quer que tenha feito as arvores surgirem pela Maebh, descobrimos que ela ouve pensamentos. Tudo indica que a tempestade solar destruirá a Terra e somente alguns podem se salvar no TARDIS.

Clara decide que não vai com o Doctor, que prefere morrer junto com a Terra, que ela “não quer ser a última da sua espécie”, e mesmo o Doctor dizendo que e tão terráqueo quanto eles, ela meio que diz que os serviços dele não são mais necessários e que ele pode ir salvar outros planetas agora (mas ela fala isso de maneira gentil, claro HAHA). Ao mesmo tempo que descobrimos que planejam jogar veneno nas arvores, o Doctor percebe que as arvores vão agir como escudo protegendo a Terra da tempestade solar. Então, eles ligam para todos no mundo para dizer que para deixar as arvores em paz, Maebh é que fala ao telefone e ao final da ligação ela pede que sua irmã perdida volte.

A conotação sustentável desse episódio é bem forte, passa uma mensagem de que as arvores só querem nos ajudar e tudo mais, não é o centro do episódio, mas a mensagem está presente e não sei dizer se isso é algo muito bem pensado ou apenas chato. É algo tão batido hoje em dia, “vamos salvar o planeta Terra” e tudo mais.

E então as arvores funcionam como escudo surge Missy em sua nave penas observando tudo, aparentemente o fato a Terra se salvar da tempestade é uma surpresa para ela, o que pode significar que ela tem algo a ver com as tempestades ou não, realmente não sei nem o que pensar. 

E para finalizar o episódio a irmã de Maebh volta para casa, agora devo dizer que esse final foi bem porcaria, podia muito bem ter acabado na conversa entre o Doctor e Clara, já que a irmã de Maebh voltando não teve explicação, não sabemos porque ela fugiu e porque voltou. Claro que voltou por causa do da mensagem de Maebh, mas se ela tinha fugido antes por que voltaria? De qualquer maneira não é algo interessante ou que adiciona algo. Mas talvez isso só seja eu sendo chata.

Enfim, foi um ótimo episódio, e agora a série deve juntar todas as pontas e explicar Missy, finalmente. Não tem como não ter expectativas altíssimas para o próximo episódio, e confio plenamente que vai ser incrível.

Redes Sociais

SNAPCHAT

SNAPCHAT

ANÚNCIO