Resenha | Cidade dos Etéreos (O Lar da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares #2)

Título: Cidade dos Etéreos
Título Original:  Hollow city
Autor(a): Ransom Riggs
Editora:  Intrínseca
Ano: 2016
Páginas: 384
Sinopse: A viagem extraordinária continua. Depois de conhecer um fascinante mundo novo na misteriosa ilha em que a Srta. Peregrine dirigia um lar para crianças peculiares, Jacob Portman se vê em fuga com os novos amigos. Juntos, eles descobrem que só têm um caminho a seguir: ir para Londres, a cidade onde os peculiares se concentram, na esperança de encontrar uma cura para a Srta. Peregrine. Nessa cidade devastada pela guerra, surpresas terríveis estão à espreita a cada esquina. Além de levar outras crianças peculiares a um lugar seguro, Jacob precisa tomar uma decisão importante: permanecer no passado com Emma Bloom, por quem se apaixonou, ou voltar para os pais, nos dias de hoje. Telecinesia e viagens no tempo, ciganos e atrações de circo, malignos seres invisíveis e um desfile de animais inusitados, além de uma inédita coleção de fotografias da época - tudo isso se combina para fazer de Cidade dos Etéreos uma história de fantasia comovente, uma experiência de leitura única e impactante. 


Quem achou O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares morno pode esperar bem mais ação e aventura na continuação da trilogia. Agora, determinados a salvar sua ymbryne da forma definitiva de ave, eles precisam se aventurar entre fendas, acólitos e etéros para que Alma Peregrine posso continuar cuidando deles.

É nessa edição que começam a surgir os contos peculiares, histórias de como viviam e a que situações sobreviveram outras pessoas que também tinham habilidades diferenciadas. É, inclusive, nessa jornada em busca de ajuda que as crianças começam a usar de verdade suas peculiaridades para sobreviver a algumas circunstâncias.

Com o curto período de tempo, os pequenos viajam em busca de outras fendas e da Srta. Wren, única ymbryne que ainda parece não ter sida sequestrada por acólitos. E, pelo caminho, as crianças se veem diante de realidades que só tinham visto e imaginado nos livros. Cachorros falantes com cachimbo, jumirafas e galinhas que botam ovos bombas aparecem no meio do caminho se mostrando reais e até muito úteis. Enquanto isso, eles ainda precisam se livrar de acólitos que os perseguem para recuperar sua ymbryne e concretizar seus planos.

Além de todo o desenrolar da história, ainda é possível perceber uma evolução nas crianças. Horace usa todos os seus conhecimentos sobre os peculiares e sua história, Hugh sacrifica muitas de suas abelhas pelo bem dos amigos e Jacob começa a ter mais conhecimento sobre sua peculiaridade, além de aprender a identificar melhor as sensações que denunciam quando um etéreo se aproxima. Pelo caminho, as crianças também se deparam com outros peculiares e habilidades cada vez mais extraordinárias, que vão desde poder ficar com um buraco no corpo e voltar ao normal, aos ecolocalizadores - irmãos que parecem dividir a mesma mente. O que mais pareceu incrível foi Melina, a jovem que podia mover objetos apenas com o poder da mente.

Entre ciganos peculiares, circos com aberrações e prédios cobertos de gelo - antigo arquivo de peculiares que agora funciona como local improvisado para salvar vítimas de etéreos - o livro também traz os dilemas de Jacob entre sua vida, o amor pela jovem Emma e a escolha que precisar fazer: voltar para atualidade e continuar incompreendido no mundo dos "normais", ou permanecer com as crianças, determinadas a salvar o mundo peculiar, cada vez mais fadado a ruína.


Milena Coutinho

Redes Sociais

SNAPCHAT

SNAPCHAT

ANÚNCIO